Movimento Parque Verde

Assina a Petição

 

 

 

domingo, junho 11, 2006

10 de Junho


Presidente pede mais acção aos cidadãos. Cavaco Silva esteve no Porto para comemorações do Dia de Portugal.

O presidente da República quer que os portugueses se unam para construir um país melhor. No discurso oficial do 10 de Junho, no Porto, Cavaco Silva reafirmou a necessidade de um maior investimento na recuperação social e económica. O Chefe de Estado diz mesmo que a responsabilidade no futuro do país é de todos os portugueses.

Comments on "10 de Junho"

 

<Anonymous zezagaia said ... (4:05 da tarde) : 

O Chefe de Estado diz mesmo que a responsabilidade no futuro do país é de todos os portugueses.
Mas o que ele queria dizer era: de quase todos os portugueses. Isto porque enquanto uns se sacrificam e vão sobrevivendo e empurrando como podem, há outros que puxam para si próprios tudo o que devia ser para todos. Aí ponho à cabeça da lista os políticos, os analfabetos autarcas, os patos bravos armados em economistas e fazedores de obras publicas desnecessárias a preço de ouro e todos os que, de algum modo, se aproveitam do sistema para puxar para si todos os direitos sem nunca terem contribuído e cumprido os seus deveres. Em resumo: Mais de metade a roubar os que não podem ou não sabem roubar. São muito poucos para serem chamados de "Todos os prtugueses".

 

<Anonymous Anónimo said ... (4:20 da tarde) : 

«(...) Os jornais também noticiam que finalmente foi tomada uma decisão sobre o traçado de um troço de 12 quilómetros da auto-estrada entre Estarreja e Angeja, que andava há anos a ser empurrada de um lado para o outro de uma zona ecologicamente sensível. A decisão agora anunciada pelo Governo, além de custar 250 milhões de euros a mais do que o inicialmente previsto, coloca estes 12 quilómetros de auto-estrada a 500 metros da auto-estrada do Norte. Mas salvam-se os passarinhos, como se salvaram os seis lobos da Beira Alta graças ao desvio da auto-estrada entre Viseu e Chaves e a um desvio orçamental de 100 milhões de euros.

(...) Mas nada retrata melhor a filosofia de mãos rotas dos governantes do que as centenas de milhões que foram gastos na modernização da linha do Norte, para ganhar dez minutos no trajecto entre Lisboa e Porto. Agora, com o projecto de construção do TGV entre as duas cidades, esses milhões não vão servir para nada. Segundo o presidente da Refer, dona da linha, esta passará a estar “vocacionada para os serviços suburbanos e regionais”.
O Estado está falido. Pois está.
A fazer auto-estradas a 20.800 euros (4000 contos) o metro, pudera! Mas não nos venham explicar isto como se nós fossemos muito estúpidos.»
(retirado de A Lei do Funil)

 

<Anonymous Bukáje said ... (9:49 da manhã) : 

Antigamente eu tinha orgulho no dia 10 de Junho. Era de facto o dia de Portugal. Agora é o dia dos politicos (detesto os politicos!!!) e dos amigos dos politicos, onde vão auto elogiar-se e dizer que a responsabilidade é de todos, ficando eles de fora. Não sei se recordam mas há uns anos atrás até condecoraram uma senhora que pertenceu a uma organização armada portuguesa que andou a matar portugueses. E "os outros" é que eram inimigos do povo.
Por isso agora até me esqueço da data e este ano, que foi Sábado e para o próximo, que será Domingo, vai passar completamente despercebido. No entanto os novos donos do país lá iraõ todos divertidos, condecorar mais uns competentes (???) amigos deles, fazer uns discursos a dizer que somos todos uns malandros, etc....
Como eu disse há dias, repito a propósito do dia de Portugal:gostava de ter mais um D. João II.

 

<Anonymous Anónimo said ... (10:19 da tarde) : 

Here are some links that I believe will be interested

 

<Anonymous Anónimo said ... (3:56 da tarde) : 

I love your website. It has a lot of great pictures and is very informative.
»